Como fazer o teste de vazamento?

Publicado em 15 janeiro 2015 por em Blog

0

O aumento súbito na conta de água é frequentemente o primeiro sinal de que existe algum tipo de irregularidade nas instalações de entrada de água uma casa ou estabelecimento.

Nessas horas é muito importante avaliar cada detalhe e observar atentamente todas as possibilidades de danos para sana-los completamente.

Fazer corretamente o teste de vazamento pode ser a diferença entre manter a sua estrutura em bom estado de conservação ou começar uma reforma sem ter previsão de terminar. Isso porque somente com a prevenção é possível diagnosticar e evitar alguns tipos de danos que seriam muito difíceis de reverter.

Perceba que os principais tipos de vazamentos acontecem na junção de canos de entrada, onde a curva acentua a pressão interna fazendo com que a água represente a força constante de um martelo contra o plástico na parte interna do encanamento.

Por causa da origem pouco visível desse tipo de desgaste fica impossível perceber alterações a tempo de evitar o vazamento e mesmo após ter se iniciado algum tipo de laceração por onde a água de entrada esteja escapado. É difícil saber exatamente a proporção desses vazamentos.

Por isso alguns métodos podem ser úteis para diagnosticar vazamentos por exemplo:

Feche tudo:

Desligue todas as torneiras e saídas de água da casa, ou estabelecimentos e fique de olho no relógio mostrador.

O medidor precisa estar estático para comprovar a total integridade das instalações, no entanto se ele continuar a girar, aumentando a quantidade de entrada indicada no mostrador, provavelmente é por causa de um vazamento.

Caso prefira, também pode-se observar se houve alguma alteração no mostrador do seu hidrômetro durante a noite, desde que não tenha sido utilizada nenhuma quantidade de água nas torneiras ou descargas.

Reveja as cores

A umidade com alguma frequência, pode provocar sensíveis alterações nas cores da parede, bem como ocasionar preenchimento de cimento (oco) entre azulejos, sons e mesmo esfarelamento de reboco. Tudo isso são sinais perceptíveis mesmo a olho nu, e podem significar que existe um vazamento no local.

Sendo entre estes o esfarelamento do reboco o sinal mais grave pois pode significar que já existem danos profundos de estrutura interna da parede ou piso. E neste caso, agir imediatamente é o melhor remédio.

Os serviços de uma empresa de caça vazamentos também são indispensáveis e devem sempre ser lembrados como um investimento em segurança e qualidade de vida.

Isso porque os profissionais treinados poderão não só corrigir imperfeições que já são existentes e aparentes, como também aconselhar nos casos mais específicos, quais são as melhores medidas para evitar que novos vazamentos ocorram no local, proporcionando o cumprimento da vida útil da edificação e instalações.

Dessa forma o proprietário do imóvel poderá com total facilidade verificar e diagnosticar vazamentos, mas sem dispensar a supervisão e auxílio de técnicos treinados.

Deixar um Resposta